Como unir funcionários e gerência em prol da segurança

como-unir-funcionarios-e-gerencia-em-prol-da-seguranca-1

Em um período de 5 anos, o Brasil contabilizou 4,26 milhões de acidentes de trabalho, de acordo com o MPT (Ministério Público do Trabalho), a um custo de R$ 26,2 bilhões em benefícios do INSS.

A FIPE (Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas) estima que, por ano, o país gaste mais de R$ 100 bilhões com acidentes deste tipo. Certamente, a falta de engajamento dos funcionários e, até mesmo, da própria gerência na adoção de medidas preventivas é um dos fatores que inflam esses trágicos números.

A verdade é que realizar treinamentos e palestras de conscientização é a parte mais fácil do trabalho de um Profissional de SST, a parte difícil é fazer com que toda a equipe ponha tudo isso em prática.

Na grande maioria dos casos, os colaboradores relutam em adotar medidas mais seguras; muitas vezes, alegam que as medidas são desnecessárias, que os EPIs incomodam ou limitam os movimentos, ou ainda que a segurança é de responsabilidade da administração da empresa.

Mas será que é possível unir toda a equipe em prol da segurança? Neste blogpost, a gente te mostra que sim e ainda explica como. Acompanhe!

Por que envolver funcionários e gerentes com a segurança?

De 2014 a 2018, o Brasil teve mais de 1,8 milhão de trabalhadores afastados, o que atingiu diretamente a produtividade das empresas. Isso fez com que boa parte dos gestores passasse a entender a segurança dos funcionários não mais como um custo e sim como um investimento.

Uma pesquisa realizada nos Estados Unidos mostrou que os custos advindos de acidentes de trabalho podem ser reduzidos em até 40% com a adoção de uma cultura de segurança laboral.

Como envolver a gestão com a segurança?

O modo mais eficaz de engajar a administração nesse processo é promover uma cultura efetiva de segurança dentro da organização. E, para isso, é importante envolver todos os níveis da gestão.

Não é fácil — nós sabemos — mas, é possível! Veja como:

1 – Comece engajando a alta administração

A etapa mais importante para que sua estratégia dê certo é começar conquistando o apoio da alta administração. É preciso que toda a gerência tenha a segurança como prioridade para que as questões da gestão do negócio não briguem com as medidas preventivas.

2 – Transforme o custo em investimento

Não aborde a questão da segurança apenas pelo lado do bem-estar dos colaboradores. Claro que isso é o primordial, mas pode não ser o suficiente para convencer a gerência. Para alguns gestores, a responsabilidade social não é um argumento, os números valem mais.

Pare de se lamentar sobre isso e transforme a seu favor. Prove que investir em segurança e bem-estar aumenta a produtividade e, por consequência, a competitividade do negócio.

3 – Aprenda com quem já fez

Se você não tem experiência em implantar uma cultura de segurança, procure quem tenha. Acredite, agregar a contribuição de alguém que já fez o que você pretende executar dá mais credibilidade ao projeto e, provavelmente, conquistará a adesão de muito mais gestores.

4 – Estabeleça eventos para criar uma cultura de segurança

Um evento é sempre uma excelente forma de conscientizar as pessoas. Busque trazer profissionais de diversas áreas que possam disseminar a importância de investir em segurança.

5 – Incentive o compartilhamento de informações

É importante incentivar que a gerência participe de workshops e conferências sobre segurança, e que repassem o que aprenderam aos demais da equipe.

Inclua os funcionários no processo

Os colaboradores são parte fundamental para que um plano de segurança dê certo. São eles que estão na ponta de todo o processo, então, não se esqueça de inclui-los. Acompanhe algumas estratégias:

1 – Faça da segurança parte da cultura da sua empresa

Os novos funcionários precisam estar cientes desde o começo que a segurança é um dos valores da sua empresa e que precisa seguir todos os protocolos.

2 – Ofereça treinamento regulares

É preciso que os funcionários sejam capacitados para exercer suas atividades com segurança. Orientações gerais de segurança, treinamentos específicos, bem como reciclagem precisam ser realizados sempre que houver novas contratações, mudanças em regulamentos ou maquinários, ou longos períodos de ausência do colaborador.

3 – Valorize seus bons funcionários e responsabilize os maus

Crie uma gamificação para encorajar os funcionários a seguir precauções de segurança. Funciona como um sistema de recompensa para os que cumprem as metas e seguem os regulamentos. Do mesmo modo, é necessário disciplinar os funcionários que descuidam da segurança.

4 – Abra espaço para a participação de todos

Envolva os funcionários no seu plano de segurança, criando espaços para que possam opinar e mostrar seu ponto de vista. Faça as inspeções de segurança diárias e mantenha os funcionários informados sobre elas. Além disso, estabeleça metas de segurança e convide os funcionários a ajudarem a revisar e melhorar o programa de saúde e segurança da empresa.

5 – Leve o feedback dos funcionários a sério

Não adianta só ouvir seus colaboradores, é preciso buscar soluções para as colocações deles. Apresentar respostas aos feedbacks estimula cada vez mais a participação.

Engaje toda a empresa

Sabemos dos desafios de envolver toda uma organização em um projeto de segurança do trabalho, mas ele é possível. Pare de olhar o trabalho como um todo e comece a delimitar setores, prazos e metas; isso facilitará a execução e manterá você motivado.

Acredite, não existe maneira de fazer isso dar certo sem envolver gerência e funcionários. O processo é longo e muito exaustivo, mas compensador, então, não desista!

Conte com a Zanel nesse processo. Além de fabricar EPIs de altíssima qualidade, como nosso Avental de Raspa, buscamos trazer conteúdos que facilitem o seu dia a dia e ajudem na execução das suas atividades. Por isso, não deixe de mandar suas sugestões e dúvidas para que possamos continuar esta parceria.

Um grande abraço e até a próxima semana.
Fernando Zanelli

pesquisa_de_mercado_cta_recompensa_blog_zanel

Posts Relacionados

raspa-protege-contra-radiacao-ultravioleta

A proteção contra radiação ultravioleta é uma preocupação constante na segurança do trabalho, em especial...

saude-mental-no-trabalho

Integrar a saúde mental no ambiente de trabalho tem se mostrado crucial para promover o...

abril-verde

Em 2022, foram notificados 612,9 mil acidentes de trabalho no Brasil, dentre eles 148,8 mil...

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *